Campanha da OMS vai desafiar 100 milhões de pessoas a deixarem de fumar

Lançada hoje, 08, pela Organização Mundial da Saúde (OMS), a campanha vai durar um ano e será realizada por meio das redes sociais.

Multinacionais como Google, Amazon, o Facebook e a Johnson & Johnson, dentre outras, além do aplicativo WhatsApp são parceiras da OMS para realização da campanha.

O foco da campanha são em países que mantém número de fumantes elevados como Estados Unidos, México, Canadá, Brasil, Alemanha e outros, criará comunidades em redes sociais para unir pessoas que estão deixando ou pretendem deixar ou hábito de fumar para que se apoiem no desafio e troquem experiências e informações.

Segundo a OMS no mundo, cerca de 780 milhões de pessoas expressam o desejo de pararem de fumar, no entanto somente 30% delas têm acesso às ferramentas que podem ajudá-las a atingir esse objetivo, e que o intuito é aumentar a disponibilidade dessas ferramentas por meio da mobilização.

A covid-19 fez com que aumentasse o número de pessoas com interesse em deixar de fumar, já que a doença pode ser mais agressiva para os fumantes.

“Fumar mata 8 milhões de pessoas por ano, mas se os fumantes ainda precisam de mais motivos para deixar o hábito, a pandemia tem sido um verdadeiro incentivo”, disse o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus, no lançamento da campanha.

Com informações Agência Brasil

 

Comentários do facebook

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: