Projeto Sesc Cultura ON apresenta hoje bate papo e documentário sobre a capoeira Angola no Tocantins

Neste dia 25 de novembro o projeto Sesc Cultura ON promove às 16h, um bate papo com Arnaldo Lopes Lima, sobre “A história da Capoeira Angola no Estado do Tocantins”. Em seguida, às 17h tem a exibição do documentário “Encaanto” de George Augusto Silva de Menezes.

A história da Capoeira Angola no Estado do Tocantins – 16h

É um bate-papo sobre a história da Capoeira Angola no Estado do Tocantins, falando sobre as dificuldades, experiências e perspectivas no contexto antes e durante a pandemia pelo COVID-19, e expectativas no período pós pandemia. A duração será de uma hora e será transmitido ao vivo. A classificação é livre.

Encaanto – 17h

Curta Documentário ENCAANTO mostra a trajetória de Matoso dias antes de ser reconhecido como mestre de Capoeira Angola no estado do Tocantins, da linhagem de Mestre Pastinha, Boca Rica e Mestre Vermelho, Matoso aborda sobre ancestralidade, respeito, música, luta e outros elementos tradicionais que compõem e encantam a Capoeira Angola. A duração será de 16m20 e a classificação é livre.

Para assistir acesse www.youtube.com/sescto

Imagem: Divulgação/SescTO

Já amanhã, dia 26, a programação continua com bate papo sobre o mercado da música e o papel do jornalista musical.  O bate papo “Confere Talks – O mercado da música e o papel do jornalista musical: dicas e boas práticas de imprensa para artistas independentes”.

A ação, que terá a mediação da jornalista e produtora cultural Cecília Santos, está marcada para começar às 20h e será ao vivo na página oficial do Sesc Tocantins no Youtube www.youtube.com/sescto.

Entre os convidados estão Patrick Tor4 – Jornalista, DJ e produtor Brasileiríssimos e diretor da Frei Caneca FM – PE), Nicolle Cabral – Jornalista (colabora em veículos como Rolling Stone, Noize e Monkeybuzz), e Tony Aiex – Jornalista (editor do Tenho Mais Discos que Amigos – TMDQA).

Confere Talks – 20h

A Confere Talks busca dar continuidade a proposta da Confere Música, conferência digital criada para discutir soluções e propostas para a cena independente musical do Tocantins, que vive um momento difícil, especialmente por conta da pandemia do coronavírus.

A ideia do projeto é, também de forma digital, em um formato de um só dia, realizar uma edição única da Confere e assim, fomentar diálogos com produtores culturais, jornalistas e especialistas para debater em uma mesa online, com os músicos e produtores locais, um painel com tema de interesse dos envolvidos no processo de construção da cadeia produtiva da música tocantinense.

Com informações da Assessoria de Imprensa Sesc – TO

Comentários do facebook

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: