Confira alguns cuidados na hora de comprar na Black Friday

As empresas já começaram as promoções do mês de novembro, mês este que se destaca pela Black Friday, evento que ocorre oficialmente no dia 27. Porém já é possível encontrar na internet e nas lojas físicas preços atrativos. A data pode ser a oportunidade para comprar aquele tão sonhado produto por um bom preço, tem pessoas que economizam durante todo o ano para este momento então vamos algumas dicas para aproveitar bem esta época do ano.

Monitore os sites das lojas

Escolha os sites com os melhores preços do produto ou serviço que deseja e comece a monitorar, pesquise diariamente e se possível faça um print na tela. Algumas lojas aumentam os preços antes da Black Friday por isso é importante checar se os descontos realmente são reais.

Faça uma lista de compras

Quando temos uma lista em mãos conseguimos visualizar com mais clareza o que pretendemos comprar. Facilitando assim a comparação entre os preços oferecidos pelas empresas.

Pesquise a reputação das lojas

Para não ter nenhuma surpresa, veja se esses estabelecimentos são de confiança com antecedência, assim você consegue escolher outro lugar mais confiável caso seja necessário.

Na internet é possível buscar informações sobre atrasos e demais problemas das lojas online, um deles é o site reclame aqui.

Cuidado com e-mails falsos

Não confie em todos os e-mails que recebe, esta é uma porta de entrada para muitos golpistas.  Uma dica é buscar o nome da loja no Google e clicar em links patrocinados, os primeiros que aparecem na busca, pois são pagos pela empresa para estar no topo. Outra dica é ficar atento com links de promoções divulgados em redes sociais com promoções irresistíveis, em muitos casos o link pode ser falso.

Fique de olho nas promoções que antecedem o dia D das compras

Ficar atento as promoções, confira na internet no site da loja, nas propagandas das lojas físicas, vale acompanhar as redes sociais e assinar os e-mails promocionais das lojas escolhidas.

Cheque se o site é verdadeiro

Um ponto simples, mas muito importante, é verificar se no endereço da loja, antes do “www” tem o protocolo “https”. Esse “s” significa que o ambiente possui certificado de segurança e atesta que os dados do cliente são protegidos por criptografia.

Outra dica: Se a URL for original, possui um cadeado e o link correto. Caso a imagem apresente um “.” separando o nome do site, por exemplo, provavelmente trata-se de um link falso.

Também é possível pesquisar se o CNPJ da empresa está ativo pelo site http://receita.fazenda.gov.br;

Desconfie das promoções fantásticas

Sempre desconfie de preços muito abaixo do mercado. O ideal é que o consumidor acompanhe o valor do produto durante o período que antecede a Black Friday.

Pagamentos

Procure sempre que puder pagar com o cartão de crédito, o cliente tem até sete dias a partir da data do recebimento do produto ou serviço para solicitar a devolução ou o seu cancelamento, segundo o artigo 49 do código de defesa do consumidor.

A empresa deve solicitar o cancelamento da cobrança junto a operadora do cartão ou até mesmo, estornar o valor pago.

Evite formas de pagamento incomuns, como depósito em conta de pessoas físicas ou até pagamento via boleto.

Frete

O valor do frete também é algo que deve ser observado – se o valor for muito alto, o preço promocional pode não valer a pena. Em muitos casos pela internet o valor do frete é maior que o do produto, tornando assim a compra mais cara.

Prazo de entrega

Observe o prazo de entrega e informar-se antecipadamente sobre a política de troca da empresa são atitudes que ajudam a evitar problemas. Fique atento aos prazos, principalmente para quem compra em sites do exterior, as datas são importantes, leiam todos os detalhes antes de efetuar a compra.

Avalie o prazo de garantia e devolução

Em compras feitas fora do estabelecimento, o consumidor tem sete dias para se arrepender, cancelar a compra, devolver o produto e pedir o dinheiro de volta (o prazo passa a contar da data da compra ou da entrega do produto).

Qualquer produto, nacional ou importado, deve apresentar informações corretas, claras e em língua portuguesa sobre suas características, qualidade, quantidade, composição, preço, garantia, prazo de validade, origem, além dos riscos que possam apresentar à saúde e segurança dos consumidores.

Importante verificar a diferença de preços entre a vista e parcelado

Os produtos expostos nas vitrines devem apresentar o preço à vista e, se vendidos a prazo, o total a prazo, as taxas de juros mensal e anual, bem como o valor e número de parcelas.

Comentários do facebook

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: