XIV MOSCA tem início nesta quarta-feira em formato online

A Mostra de Cultura, Arte e Teatro (Mosca) entra em sua 14ª edição. O evento nesta edição recebe o título de “Mosca na Janela,” pois acontecerá de forma online, em três etapas, divididas nos meses de setembro, outubro e novembro de 2020.

O objetivo do evento é compartilhar produções e refletir sobre o teatro, as artes e a educação no momento da pandemia. Um trabalho poético-pedagógico de suma importância pela sua tarefa de experimentar atividades artísticas em uma nova realidade da Cena expandida, possibilitando, assim, reunir a comunidade acadêmica geral em especial os discentes e docentes parceiros de outros Estados do país, bem como interessados em participar deste campo poético, educacional e científico.

Imagem: Divulgação

De acordo com a professora Bárbara Tavares dos Santos, a proposta da Mosca desta edição é de exibir, no espaço virtual, uma amostragem de diferentes obras de arte que estão sendo produzidas e gestadas no período do isolamento, além de promover e estimular novas criações, intercâmbios e encontros entre artistas, docentes e discentes do ensino superior e da educação básica espalhados pelas cinco regiões do país.

“O desejo é provocar e instigar a comunidade acadêmica e audiência em geral a pensarem sobre os desafios deste novo campo de apresentação artístico-científica”, afirma.

A primeira etapa conta com atrações convidadas de teatro e música, e terá o lançamento do Edital do evento, que será aberto a comunidade de estudantes, professores e demais artistas da cidade e de todo o país.

Imagem: Divulgação

Programação

A abertura, nesta quarta-feira, 23, a programação contará com show da cantora Malusa. Na quinta-feira, 24, haverá mostra das produções realizadas no curso e na sexta-feira, 25, a Cia de Teatro Engenharia Cênica apresenta o espetáculo #PoliFace.Edith_7x7. As apresentações acontecerão sempre às 19h30 no canal de Youtube do curso (Teatro UFT). O evento ainda contará com laboratórios de criação artísticas, workshops e rodas de conversa.

Com informações de Cinthia Gomes de Abreu

Comentários do facebook

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: